Doenças falciformes: do diagnóstico ao tratamento

  • Ana Paula Rodrigues Vieira¹
  • Larissa Negrão Rebelo de Almeida
Palavras-chave: Doença Falciforme. Anemia. Manifestações clínicas.

Resumo

A doença falciforme é a enfermidade hereditária mais frequente no Brasil e no mundo, atingindo principalmente pessoas
da raça negra. A doença se caracteriza por uma alteração na estrutura da molécula de hemoglobina. Dessa alteração surge a
hemoglobina S, que é responsável pelo aparecimento das manifestações clínicas, que podem ser representadas por Acidente
Vascular Cerebral, Ulceras de pernas, Infecções, entre outras. O diagnóstico é realizado através de uma triagem que envolve
uma série de técnicas sendo que todo resultado positivo deve ser repetido na mesma amostra para fins de confirmação. A partir
dai o paciente inicia o acompanhamento ambulatorial visando evitar que ocorram manifestações agravantes da patologia.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2016-09-27
Como Citar
Vieira¹A. P. R., & de Almeida, L. N. R. (2016). Doenças falciformes: do diagnóstico ao tratamento. Revista De Saúde, 4(1/2), 05-12. https://doi.org/10.21727/rs.v4i1/2.49
Seção
Artigos Originais