MIELOMA MÚLTIPLO: UMA NOVA ÓTICA SOB A ABORDAGEM DIAGNÓSTICA- RELATO DE CASO

Palavras-chave: Medicina, Ciência da Saúde

Resumo

O mieloma múltiplo é um tumor maligno caracterizado por proliferação de plasmócitos na medula. O tema atinge maior relevância pelo aumento na expectativa de vida da população, já que acomete mais idosos. Este trabalho objetiva relatar um caso de mieloma e sua abordagem no estágio tardio. Indivíduo do sexo masculino, 85 anos, com queixas de astenia, oligúria e dor lombar há 3 meses, foi admitido no Hospital Universitário de Vassouras (HUV)  e chamava a atenção pela intensa palidez cutâneo- mucosa. Ressonância magnética revelou lesões ósseas líticas na região sacral e mielograma exibiu plasmocitose medular compatível com mieloma múltiplo, porém logo após o diagnóstico o paciente evoluiu para óbito por sepse nosocomial. Bibliografia ressalta a importância do reconhecimento precoce para a maior sobrevida a partir do tratamento instituído. Portanto, mesmo sendo uma doença incurável, o diagnóstico antecipado favorece tratamento precoce, melhora da qualidade de vida e maior sobrevida para esses pacientes.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Thiago Wesley de Oliveira, Universidade Severino Sombra
Acadêmico de Medicina da Universidade Severino Sombra (USS) RJ

Referências

Aita MHC, Arantes LC, Aita BC, et al. Comparação entre imunofixação e eletroforese na detecção precoce de recidivas do mieloma múltiplo. J. Bras. Patol. Med. Lab. vol.51 no.6 Rio de Janeiro Nov./Dec. 2015

Silva ROP, Brandão KMA, Pinto PVM, Faria RMD, Clementino NCD, Silva Cristiane MF, et al. Mieloma múltiplo: características clínicas e laboratoriais ao diagnóstico e estudo prognóstico. Rev. Bras. Hematol. Hemoter. 2009; 31(2):63-8.

Costa NA, Alves SM, Somenzi CC. MANIFESTAÇÕES CLÍNICAS QUE AUXILIAM O DIAGNÓSTICO DE MIELOMA MÚLTIPLO. Atas de Ciências da Saúde (ISSN 2448-3753), São Paulo, v. 2, n. 4, set. 2014

Rajkumar MDSV. Myeloma Today: Disease Definitions and Treatment Advances.Am J Hematol. Janeiro/2016 ; 91(1): 90–100. doi:10.1002/ajh.24236.

SILVA ROP, Faria RMD, Côrtes MCJW et al. Mieloma múltiplo: verificação do conhecimento da doença em médicos que atuam na atenção primária à saúde. Rev. Bras. Hematol. Hemoter. [online]. 2008, vol.30, n.6, pp.437-444. ISSN 1516-8484. http://dx.doi.org/10.1590/S1516-84842008000600004.

Rajkumar SV.Updated diagnostic criteria and staging system for multiple Myeloma. Am Soc Clin Oncol Educ Book 2016; 35: e 418– e 423

Hungria VTM, Crusoe EQ, Quero AA, et al. Mieloma Múltiplo. Associação Brasileira de Hematologia e Hemoterapia e Terapia Celular.Diretrizes/ v31n2/aop1309 Pag 7-12. São Paulo. Out. de 2013

Soares JPMR. Doença Óssea no Mieloma Múltiplo. Porto. (Dissertação de Mestrado Integrado em Medicina) Artigo de revisão bibliográfica. Universidade do Porto. 2013

Harrison TR, Longo DL, Kasper D, Hauser S, Jameson J, Loscalzo J. Medicina Interna de Harrison. 19th ed. New York, NY: McGrawHill Medical; 2016. 2800 p712-716.

Fialho LFG, Fuly PSC,Santos MLSC, et al. VALIDAÇÃO DO DIAGNÓSTICO DOR ÓSSEA E SUAS INTERVENÇÕES DE ENFERMAGEM NO MIELOMA MÚLTIPLO. Cogitare Enferm. Rio de Janeiro- RJ. 2014 Out/Dez; 19(4):755-60

Hungria VTM, Maiolino A, Almeida MSA, Crusoé EQ. Distúrbios dos Plasmócitos e

Doenças Correlatas. 1 th ed. Tratado de Hematologia. Cap 57, pag 557-560, São Paulo. Editora Atheneu-2013; 29(1):60-6.

Marta MJ, Falcão LM, Saavedra JA. Mieloma Múltiplo: a propósito de um caso raro de gamapatia biclonal IgD/lambda –Abordagem diagnóstica e atitudes terapêuticas. Rev. Da Sociedade Portuguesa De Medicina Interna vol 09/n03. pag 167. Portugal- 2009

Silva SMF. A Evolução da abordagem Terapêutica nos últimos 20 Anos. Porto/Portugal- Dissertação Mestrado Integrado em Medicina- Artigo de Revisão Bibliográfica. Rev U. Porto– Junho 2015

Pattrig H ,Denise F, Pires EP, et all.Modelo assistencial em saúde: conceitos e desafios para a atenção básica brasileira Rev..Ciênc. saúde coletiva 20 (6) São Paulo Jun 2015

MINISTÉRIO DA SAÚDE SECRETARIA DE ATENÇÃO À SAÚDE (Brasil). PORTARIA Nº 708, DE 6 DE AGOSTO 2015

Aprova as Diretrizes Diagnósticas e Terapêuticas do Mieloma Múltiplo. Diário Oficial da União 6 DE AGOSTO 2015 .

Saccilotto IC. Análise de efetividade do Centro de Referência do Hospital de Clínicas de Porto Alegre para Tratamento de Mieloma Múltiplo. Porto Alegre/ Brasil.Dissertação de Mestrado pelo Programa de Pós- Graduação de Ciências Médicas da Universidade Federal do Rio Grande do Sul-Fev 2014.

Publicado
2018-12-03
Como Citar
de Oliveira, T. W. (2018). MIELOMA MÚLTIPLO: UMA NOVA ÓTICA SOB A ABORDAGEM DIAGNÓSTICA- RELATO DE CASO. Revista De Saúde, 9(2), 37-43. https://doi.org/10.21727/rs.v9i2.1313
Seção
Relato de Caso