Trombose venosa profunda e neoplasia mamária maligna: relato de caso em idosa

  • Eliton Edmilson Couto
  • Jean Fialho Fazolo de Souza
  • Larissa Vaz Perez
  • Maria Júlia Campos
  • Roberta Maria Rola Albergaria
  • Hélcio Serpa Figueiredo Júnior

Resumo

A Trombose Venosa Profunda (TVP) é caracterizada pela formação de trombos no interior de veias profundas, mais comum nos mem¬bros inferiores (80 a 95% dos casos). A incidência da doença, no Brasil, mostra-se em torno de 0,6 por 1.000 habitantes/ano. A literatura descreve alguns fatores principais no processo de formação dos trombos: estase sanguínea, lesões do endotélio e estados de hipercoagulabilidade. As neoplasias também são reconhecidas como fatores de risco independentes para TVP. Como complicação grave da TVP, em sua fase aguda, cita-se a embolia pulmonar e, tardiamente, a síndrome pós-trombótica. O objetivo do presente estudo é relatar um caso clínico de uma paciente do sexo feminino, idosa, portadora de hipertensão arterial sistêmica, diabetes mellitus tipo 2 e dislipidemia, em uso irregular das medicações. Concomitantemente, há 3 meses, a paciente foi diagnosticada com neoplasia mamária maligna, ainda sem início do tratamento. Ao exame físico a paciente apresentou-se com dor em membro inferior direito, sem hiperemia, com edema e sinal de Homams positivo. Como tratamento para TVP foi proposto uso de anticoagulante oral, e a paciente segue internada, em repouso, há 6 dias. Diante do caso apresentado, cabe destacar que é de suma importância compreender os fatores de risco para TVP, bem como suas alterações fisiológicas no organismo, o que é de extrema importância para o diagnóstico correto e o sucesso terapêutico de cada caso.

Referências

Barros MVL, Pereira VSR, Pinto DM. Controvérsias no diagnóstico e tratamento da trombose venosa profunda pela ecografia vascular. J Vasc Bras.

;11(2):137-43.

Linares MA. Prevalência de neoplasias em 415 pacientes com trombose venosa profunda avaliados em hospital escola. J Vasc Br. 2004;3(4):347-349.

Rollo HA. Abordagem diagnóstica dos pacientes com suspeita de trombose venosa profunda dos membros inferiores. J Vasc Br. 2005;4(1):79-81.

Publicado
2017-08-31
Como Citar
Couto, E. E., de Souza, J. F. F., Perez, L. V., Campos, M. J., Albergaria, R. M. R., & Júnior, H. S. F. (2017). Trombose venosa profunda e neoplasia mamária maligna: relato de caso em idosa. Revista De Saúde, 8(1 S1), 130. Recuperado de http://editora.universidadedevassouras.edu.br/index.php/RS/article/view/1087
Seção
Resumo - Suplemento