Mecanismo da carcinogênese do câncer de próstata através do consumo de carne vermelha: Revisão de literatura

  • Alex Pereira Ramos
  • Priscila Paiva dos Santos
  • Lívia Soares Viana
  • Pedro Carvalho Nogueira
  • Eduardo de Souza Sampaio Diniz
  • Alcendino de Almeida Junior
Palavras-chave: Carcinogênese, N-nitrosodialquilaminas, Compostos nitrosos, Hidrocarboneto policíclico aromático

Resumo

A estimativa em 2016 para novos casos de câncer de próstata no brasil foi de 61.000 casos com 12.215 óbitos, diminuição de 11,6% à incidência da doença em 2015. Esta diminuição explicita um resultado favorável às implementações das políticas de educação em saúde do homem. Apesar de alguns mecanismos carcinogênicos provenientes do tabagismo e do etilismo serem bastante conhecidos, o mecanismo através do consumo de carne é brevemente relatado na literatura. Sendo assim, faz-se necessário a abordagem do tema, com o intuito de estabelecer de forma concisa a fisiopatologia por trás da associação de consumo regular de carne vermelha e neoplasia de câncer de próstata, para que assim, saiba-se mais sobre possíveis métodos de inibição da carcinogênese através de princípios moleculares. Este estudo constitui-se de uma revisão de literatura, tendo sido realizada entre abril e junho de 2016, no qual realizou-se uma consulta a sites e artigos científicos publicados em portais online. A busca nos bancos de dados foi realizada utilizando as terminologias cadastradas nos Descritores em Ciências da Saúde. As palavras-chave utilizadas na busca foram câncer de próstata, carcinogênese, consumo de carne, saúde do homem. O critério de inclusão para os estudos foram a data de publicação dos artigos (2014 e 2016), além de um artigo de 1995 considerado pioneiro. A WHO elucida que a carne vermelha encontra no Grupo 1 de fatores cancerígenos. Os componentes potencialmente cancerígenos encontrados na carne são os compostos nitrosos e hidrocarboneto policíclico aromático. Stefani et al. foram pioneiros, relacionando os compostos N-nitroso. Primordialmente, relacionaram esse composto à cerveja. Posteriormente, entretanto, outros atores como Aronson et al. constararam que tal composto também estava presente na carne vermelha. Araujo et al. sinaliza em seu artigo o mecanismo de carcinogênese através do composto n-nitroso. Isso deve-se devido ao composto chamado diazoalcano, metabolizado através do citocromo P450. No que diz respeito ao câncer de próstata, a pesquisa de Araujo et al. sugere que é através N-nitrosodialquilaminas. O mecanismo fisiopatológico do câncer de próstata através do consumo regular de carne vermelha se deve através de alterações do genoma celular. Isso se deve devido à hidroxilação do carbono de compostos nitrosados, amplamente contidos nas carnes vermelhas, especialmente do N-nitrosodialquilaminas, que tem a exclusiva capacidade de produzir implantes carcinogênicos em órgãos à distância. Tal conhecimento é de fundamental importância para entender alguns possíveis processos de prevenção da neoplasia, como fármacos que ajam na inibição exclusiva dessa classe de composto nitrogenado.

Referências

Silva JFS da, Mattos IE, Aydos RD. Tendência de mortalidade por câncer de próstata nos Estados da Região Centro-Oeste do Brasil. 1980 - 2011. Rev. Bras. Epidemiol. 2014;17(2):395-406.

Instituto Nacional de Câncer. Próstata. 2016. Disponível em: <http://www2.inca.gov.br/wps/wcm/connect/tiposdecancer/site/home/prostata+/definicao>. Acesso em: 20 mai. 2016.

Trilico MLC, Kijimura MY, Pirolo SM, Oliveira GRD. Discursos masculinos sobre prevenção e promoção da saúde do homem. Trab. Educ. Saúde. 2015; 381-395.

World Health Organization. Q&A on the Carcinogenicity of the consumption of red meat and processed meat.2015 out. Disponível em: <http://www.who.int/features/qa/cancer-red-meat/en/>. Acesso em: 3 abr. 2016.

De Stefani E, Fierro L, Barrios E, Ronco A. Tobacco, alcohol, diet and risk of prostate cancer. Tumori. 1995;81(5):315-320.

Aronson KJ, Siemiatycki J, Dewar R, Gérin M. Occupational risk factors for prostate cancer: results from a case-control study in Montréal, Québec, Canada. Am J Epidemiol(Canada). 1996;143(4):363-373.

Araujo ME, Cyrne L, Marinho S, Norberto F. Os Compostos N-Nitrosos e o Cancro. Química. 2000;79(8):30-34. Disponível em: http://www.spq.pt/magazines/BSPQ/603/article/3000943/swf.

Publicado
2017-08-31
Como Citar
Ramos, A. P., dos Santos, P. P., Viana, L. S., Nogueira, P. C., Diniz, E. de S. S., & Junior, A. de A. (2017). Mecanismo da carcinogênese do câncer de próstata através do consumo de carne vermelha: Revisão de literatura. Revista De Saúde, 8(1 S1), 71-72. Recuperado de http://editora.universidadedevassouras.edu.br/index.php/RS/article/view/1064
Seção
Resumo - Suplemento