Processo de envelhecimento do idoso e a protagonização do enfermeiro na visita domiciliar na atenção primária de saúde

Resumo

Trata-se de uma pesquisa bibliográfica de abordagem qualitativa e caráter descritivo que tem como objeto de estudo o protagonismo do médico de família na visita domiciliar, que tem como objetivo descrever o processo de envelhecimento do idoso e a protagonização do enfermeiro na visita domiciliar na atenção primária de saúde. O aumento da população idosa é uma realidade de diversos países, principalmente nos mais desenvolvidos, sendo assim existe uma grande preocupação em preservar a saúde e o bem-estar global para atender as especificidades desta etapa de vida. Como metodologia, utilizou-se a Biblioteca Virtual de Saúde, nas bases de informações LILACS, BDENF, MEDLINE e SCIELO, com recorte temporal de 2008 à 2018. É necessário que os enfermeiros venham desenvolver conhecimentos técnicos especializados referentes ao idosos. Conclui-se que entende-se que o enfermeiro tem papel de grande relevância, como educador, no processo de envelhecimento do idoso e sua família.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Bruna Porath Azevedo Fassarella, UNIG

Enfermeira. Mestranda em Ciências Aplicadas em Saúde da Universidade Severino Sombra. Docente do Curso de Graduação da UNIG. Preceptora Acadêmica do Curso de Graduação em Enfermagem da UNIABEU.

Keila do Carmo Neves , UNIG

Enfermeira. Pós-Graduada em Nefrologia; Mestre e Doutora em Enfermagem pela UFRJ. Docente do Curso de Graduação em Enfermagem da UNIG. E-mail: keila_arcanjo@hotmail.com

Juliana de Lima Gomes, UNIG

Enfermeira. Graduada pela Universidade Iguaçu. E-mail: juliana.limag@hotmail.com

Roberta Gomes Santos Oliveira , UNIG

Graduada pela Universidade Iguaçu. E-mail: roberta.enferm93@hotmail.com.

Rafael Luiz Amorim de Oliveira, UFRJ

Acadêmico do Curso de Graduação em Enfermagem da Escola de Enfermagem Anna Nery/UFRJ. E-mail: rafaelluiz.a.m@gmail.com

Publicado
2019-12-11