Ebook como Tecnologia Educacional no Ensino do Gerenciamento em Segurança do Escolar com Alergia a proteína do Leite de Vaca

Resumo

Introdução: Dados da Associação Brasileira de Alergia e Imunologia afirmam que entre 6% e 8% das crianças têm alergias alimentares, e dentre elas a alergia a proteína do leite de vaca (APLV) é a causa mais comum,  considerada atualmente um problema de saúde pública. Para criança que apresenta reações alérgicas alimentares graves o ambiente extradomiciliar, representa alto risco para desencadear anafilaxia. Ao analisar este cenário, constata-se a seriedade de ter um enfermeiro na escola. O objetivo do estudo é desenvolver uma tecnologia educacional no formato de Ebook para o ensino do gerenciamento em segurança do escolar APLV na formação profissional dos enfermeiros e profissionais de educação. Método: Estudo descritivo, exploratório, de abordagem qualitativa com desenvolvimento de pesquisa metodológica para elaboração de uma tecnologia educacional. Os participantes serão estudantes de enfermagem de uma Universidade Federal, profissionais de educação de uma escola pública e privada nos municípios de Maricá e Niterói, respectivamente. A pesquisa obteve parecer favorável pelo Comitê de Ética em Pesquisa da Universidade Federal Fluminense. Serão agendadas três oficinas, onde será aplicado um questionário semiestruturado. O tratamento e a análise dos dados serão feitos de forma descritiva, através da análise e classificação do conteúdo. Resultados esperados: Pretende-se trazer benefícios ao ensino, pesquisa e a sociedade, discutindo questões que subsidiarão a reorientação do processo de formação dos enfermeiros, engajando-os para que possam atuar conjuntamente com os profissionais da educação, a fim de alcançar a principal meta que é a qualidade do cuidado e a segurança do escolar com APLV.

Descritores: serviços de saúde escolar,  tecnologia educacional, segurança do paciente

 

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2019-12-11