Relato de Experiência: Projeto de Pesquisa Anatomia nas Escolas realizado no município de Vassouras

Resumo

Há uma grande dificuldade no ensino escolar brasileiro, que é a correlação de conteúdos teóricos abordados, com a prática referente ao mesmo, principalmente quando se trata do ensino da anatomia humana. Isso ocorre devido à falta de recursos para a construção de laboratórios nas escolas, ou mesmo aquelas que já possuem, faltam recursos para sua manutenção e para o estímulo dos professores a desempenharem tal função nas escolas. O projeto Anatomia nas Escolas propõe interligar os conhecimentos teóricos e práticos no ambiente escolar, visando uma melhor compreensão sobre o corpo humano, a localização dos órgãos, suas principais funções e correlações clínicas relevantes a respeito de doenças e hábitos de vida prejudiciais à saúde.  Neste estudo relatamos a experiência da Liga de Anatomia no primeiro trimestre de 2019 no projeto Anatomia nas Escolas, no qual realizamos atividades com encontros mensais no Colégio Estadual Centenário. A metodologia utilizada consiste, em um primeiro momento, na aplicação de um pré-teste, com perguntas relacionadas ao sistema que será abordado e, no segundo momento, no desenvolvimento de aulas teóricas e práticas. Após ser administrado a aula, é aplicado um pós-teste com questões equivalentes a primeira avaliação para analisar o desempenho que os alunos obtiveram. Ao final, fazemos uma dinâmica, com perguntas e respostas utilizando um manequim e órgãos plastificados. Desse modo, o objetivo do projeto é através do ensino prático consolidar o conhecimento dos sistemas do corpo humano ensinado nas escolas e promover o cuidado em saúde dos alunos no município de Vassouras.

Publicado
2019-12-11