Empreendedorismo Social e Inovação Social: enfoque, finalidades e conexões conceituais

Um estudo de aproximações teóricas e finalidades

  • Luiz Cláudio Ribeiro Machado UFPE/PROPAD

Resumo

O objetivo deste trabalho é discutir as aproximações teóricas entre construtos na adoção de uma perspectiva empreendedora com foco em inovação social. Há um posicionamento comum entre pesquisadores de que quando se descreve o empreendedorismo social (ES) e a inovação social (IS) muitos consideram estes termos sinônimos (HULGÅRD, FERRARINI, 2010), entretanto neste artigo, eles serão tratados como aspectos distintos de uma ação maior para um bem comum. Os procedimentos metodológicos seguiram para uma revisão sistemática qualitativa utilizando a análise de conteúdo para extrair temas dos textos que tratam tanto de inovação social como empreendedorismo social. Dentre os aspectos que encontramos como maiores aproximações entre ES e IS são em suma que: a) A IS precisa de um meio social para se concretizar, assim como a ES; b) Alguns tipos de ES podem gerar IS; c) O surgimento de ES e IS independem de setores específicos; d) ES e IS trazem mudanças nas práticas sociais; e e) Tipos de ES e IS podem conviver conjuntamente em um ambiente de rede. Concluiu-se que com a inovação social sendo também causada pelo empreendedorismo algumas implicações podem ser observadas quando se trata da gestão social (TENÓRIO, 2008), principalmente no que concerne a participação social nas mudanças mais sistêmicas. Recomenda-se que nos estudos de ES e IS estejam manifestadas em seus textos quais são os paradigmas que estão sendo alicerçados, assim como posições filosóficas ou alegações do conhecimento de forma que seja possível o delineamento de um caminho epistemológico mais claro.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2020-12-14
Seção
Dossiê Temático: Estado: Formação Social, Políticas Públicas, Meio Ambiente e Em