Estudo estatístico de conhecimento e aplicação das técnicas de RCP

Palavras-chave: "reanimação cardiopulmonar" "parada cardíaca" "emergências" "estudantes de medicina" "conhecimento"

Resumo

RESUMO: A Parada Cardiorrespiratória (PCR) consiste na interrupção do suprimento sanguíneo no corpo devido a falta de batimentos cardíacos ou a ineficácia deles. Ela ocorre subitamente e se não houver atendimento rápido e de qualidade, poderá levar a vítima a óbito. O presente trabalha visa analisar o preparo do estudante de Medicina diante dessa emergência. Foi realizado um estudo descritivo exploratório no curso de Medicina na Universidade de Vassouras, por meio distribuição de questionários, com o objetivo de avaliar o conhecimento dos acadêmicos a respeito da identificação de uma PCR e da aplicação da técnica de Ressuscitação Cardiopulmonar (RCP). Foram obtidas respostas de 146 alunos.  A análise desses questionários mostrou que 43% dos estudantes de 1º período, 39% do 2º e 44% do 6º período se declaram aptos a realizarem uma manobra de reanimação cardiopulmonar em uma situação de emergência. Outro dado importante obtido nessas respostas foi o desconhecimento do manuseio do DEA por parte dos participantes, além da pouca disponibilidade do mesmo em locais de grande circulação. A presente pesquisa levantou dados que identificam que os entrevistados possuem consolidado o conhecimento teórico da fisiopatologia da parada cardiorrespiratória e a teoria da execução de reanimação cardiopulmonar. Porém, observou-se que há déficit na aplicação prática.

Biografia do Autor

Sara Cristine Marques, Universidade de Vassouras
Discente do curso de medicina da Universidade de Vassouras
Débora Francielle Dias, Universidade de Vassouras
Discente do curso de medicina da Universidade de Vassouras
Ivana Picone Borges de ARAGÃO, Universidade de Vassouras
Docente do curso de medicina da Universidade de Vassouras

Referências

REFERÊNCIAS:

(1) Martins H. A cada 40 segundos, uma pessoa morre vítima de doença cardiovascular no Brasil [internet]. Brasília; 2017. [Acesso em: 23 ago. 2018]. Disponível em: http://agenciabrasil.ebc.com.br/geral/noticia/201709/cada-40-segundos-uma-pessoa-morre-vitima-de-doencacardiovascular-no-brasil (2) Cunha L. Especialistas falam da importância de realizar a RCP corretamente, ressaltando o papel do leigo neste atendimento [internet]. 2015. [Acesso em: 23 ago. 2018]. Disponível em: http://www.revistaemergencia.com.br/noticiasdetalhe/AnyJAQja/pagina= 9 (3) Sociedade Brasileira de Cardiologia. I Diretriz de Ressuscitação Cardiopulmonar e Cuidados Cardiovasculares de Emergência da Sociedade Brasileira de Cardiologia. SBC, 2013. (4) Miotto Heberth César, Camargos Felipe Ribeiro da Silva, Ribeiro Cristiano Valério, Goulart Eugenio MA, Moreira Maria da Consolação Vieira. Efeito na Ressuscitação Cardiopulmonar utilizando treinamento teórico versus treinamento teórico-prático. Arq. Bras. Cardiol. [Internet]. 2010 Sep [acesso em 2018 set 21] ; 95( 3 ): 328-331. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0066782X2010001300008&lng=en.

Publicado
2019-06-13
Seção
Artigos